LALCA - Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida

Journal Information
EISSN : 25270184
Current Publisher: IBICT (10.18225)
Total articles ≅ 36
Current Coverage
DOAJ
Archived in
SHERPA/ROMEO
Filter:

Latest articles in this journal

Jean Guilherme Azarias, Lucas Daniel Del Rosso Calache, Erica Rezende, Thiago Venancio De Matos, Aldo Roberto Ometto, Aparecido Dos Reis Coutinho
LALCA - Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, Volume 3; doi:10.18225/lalca.v3i0.4658

Abstract:No atual cenário industrial, em que as questões ambientais influenciam no desenvolvimento de produtos, é fundamental que haja um entendimento detalhado dos impactos ambientais associados ao longo do ciclo de vida dos materiais. O alumínio é um dos metais mais importantes da sociedade moderna, possuindo ampla aplicação em diversos setores. Nesse sentido, os impactos ambientais associados ao uso do alumínio possuem relevância global e devem ser analisados em suas diferentes aplicações. No segmento automotivo, o alumínio é mundialmente utilizado por ser um material leve e versátil. Como exemplo disso, os turbocompressores são dispositivos utilizados em motores de combustão interna e possuem parte dos componentes produzidos em alumínio. O presente artigo tem como objetivo analisar, a partir da técnica de Avaliação do Ciclo de Vida (ACV), os potenciais impactos ambientais associados aos componentes de alumínio utilizados na fabricação de turbocompressores, identificando as etapas com maior impacto e ações para mitigação dos impactos. O estudo contempla as etapas de definição do objetivo e escopo, inventário do ciclo de vida, análise dos impactos e interpretação dos resultados, conforme previsto na norma ABNT ISO 14040. Para a análise dos impactos, é utilizado o método EDIP 97, por possuir abrangência global e contemplar categorias de impacto relevantes. Os resultados apresentam a etapa de extração e beneficiamento do alumínio como a mais impactante para a maioria das categorias de impacto – aquecimento global, acidificação, eutrofização, toxicidade humana e ecotoxicidade. Dessa forma, estratégias para redução da produção de matéria-prima virgem, bem como o prolongamento da vida útil do produto, poderiam resultar em significativas reduções dos impactos ambientais ao longo do ciclo de vida do alumínio utilizado em turbocompressores.
Murillo Vetroni Barros, Rodrigo Salvador, Cassiano Moro Piekarski, Antonio Carlos De Francisco
LALCA - Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, Volume 3; doi:10.18225/lalca.v3i0.4364

Abstract:A importância de avaliar os impactos ambientais causados por produtos e atividades tem-se tornado mais expressivo a cada ano. A partir disso, uma importante ferramenta que mensura os potenciais impactos ambientais é a Avaliação do Ciclo de Vida (ACV). Aliar essa ferramenta ao planejamento estratégico pode dar maior suporte a sistemas baseados em sustentabilidade. Portanto, o objetivo deste estudo é revisar a literatura de avaliações feitas a partir da ACV baseada em ações de planejamento estratégico. Para isso, foi elaborada uma revisão do estado da arte da literatura a fim de identificar as principais áreas correlatas, autores, lacunas de pesquisa e potenciais estudos. Utilizou-se o Methodi Ordinatio para ordenar os estudos encontrados na literatura. Os resultados apresentam uma revisão de literatura onde foram discutidos os principais avanços, fornecendo perspectivas do tema. Além disso, as principais tópicos que relacionam-se com a presente abordagem de ACV e planejamento estratégico foram biomassa, resíduos sólidos, sistemas hídricos e desenvolvimento de produto. Logo, este estudo contribui com a literatura, fornecendo informações ao setor produtivo e à academia.
Carline Fabiane Stalter, Carlos Alberto Mendes Moraes, Regina Célia Espinosa Modolo
LALCA - Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, Volume 2, pp 62-84; doi:10.18225/lalca.v2i2.3019

Abstract:Cleaner Production (CP) includes actions to prevent, minimize and recycle waste. The present study deals with the use of CP concepts in the dubbing process in a company located in the region of Porto Alegre, RS, Brazil. The process was performed in a cubic chamber, and the material used was a polyurethane adhesive. Once the adhesive has been applied onto the substrate using a spray gun, mists are formed in this chamber, causing adhesive to generate deposits on the walls of the housing. This residual adhesive deposited on the walls was removed at regular intervals of time. In order to prevent the formation of deposits on the walls and facilitate their removal, in the conventional process the walls of the chamber were coated with mineral grease, thus generating a class I (hazardous) waste. The CP actions were implemented to rule out the need to use grease. This study aimed to find the best solution for this purpose. In this sense, a product that played the same role as the grease, which is a release agent, was investigated. For this purpose, a glass fiber was tested along with Teflon ™ fabric as a non-stick coating. As a result, it was found that the time to clean the chamber was reduced and the adhesive residue generated was free from grease contamination. However, in addition to the possibility of increased reuse of the waste, the application of CP in this process has made the environment safer for workers, since they are no longer exposed to grease. In addition, Class I (hazardous) waste previously generated has changed to classified as Class II (non-hazardous) waste. In addition to reducing the costs involved, the amortization of the investment took place at around 16 days. Keywords: Cleaner production. Bonding process. Grease. Fiberglass textile with Teflon™. Materials substitution. Raw material substitution.ResumoProdução Mais Limpa (P+L) inclui ações para prevenir, minimizar e reciclar resíduos. O presente estudo aborda o uso de conceitos P+L no processo de dublagem em uma empresa localizada na região de Porto Alegre, RS, Brasil. O processo foi realizado numa câmara cúbica, e o material usado foi um adesivo de poliuretano. Uma vez que o adesivo foi aplicado sobre o substrato usando uma pistola de pulverização, névoas são formadas nesta câmara, levando parte adesivo gerar depósitos nas paredes do compartimento. Este adesivo residual depositado nas paredes era removido em intervalos regulares de tempo. A fim de evitar a formação de depósitos nas paredes e facilitar a sua remoção, no processo convencional, as paredes da câmara eram revestidas com massa lubrificante de óleo mineral (graxa), gerando assim um resíduo classificado como classe I (perigoso). As ações de P+L foram implementadas para descartar a necessidade de uso de graxa. Este estudo teve como objetivo encontrar a melhor solução para esse fim. Neste sentido, foi investigado um produto que desempenhou o mesmo papel da graxa, ou seja, um agente de...
Lucas Caldas, Romildo Toledo Filho
LALCA - Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, Volume 2, pp 34-61; doi:10.18225/lalca.v2i2.4143

Abstract:É comum nos estudos de Avaliação do Ciclo de Vida (ACV) aplicados ao setor da construção civil a falta de dados condizentes com a realidade do Brasil. Sabendo que existem diferentes materiais cimentícios, entre eles argamassas, blocos de vedação e blocos estruturais, faz se necessário ter um banco de dados mais apropriado às misturas utilizadas no país, que facilite a quantificação de seus impactos ambientais. Neste contexto, esta pesquisa apresentou os impactos ambientais, segundo o método CML-IA baseline, dos principais materiais cimentícios utilizados no Brasil, entre eles: argamassas simples para chapisco, argamassas mistas para assentamento e revestimento, graute para alvenaria estrutural e blocos de concreto. Para isto, foram utilizadas as normas NBR ISO 14040:2009 e 14044:2009 em conjunto com as normas europeias EN 15978:2011 and EN 15804:2012. O inventário foi realizado a partir de dados coletados no SINAPI e estudos voltados para a realidade brasileira em conjunto com o banco de dados do Ecoinvent 3. Ao final é apresentado o perfil ambiental dos materiais cimentícios avaliados e uma tabela resumo que mostra os impactos ambientais desses materiais. As argamassas avaliadas foram comparadas com uma argamassa do banco de dados do Ecoinvent, resultando em valores discrepantes. O estudo traz uma importante contribuição para a difusão da ACV no setor da construção civil brasileira, especificamente para o setor de cimento e seus produtos. Os resultados de AICV apresentados aqui poderão ser utilizados em outros estudos de ACV, facilitando o processo e ao mesmo tempo estarem alinhados com a realidade internacional, que também faz uso da normativa europeia utilizada nesta pesquisa. Palavras-chave: Avaliação do Ciclo de Vido (ACV). Materiais cimentícios. Argamassas. Graute. Bloco de concreto.ResumenEn los estudios de Análisis de Ciclo De Vida (ACV) aplicados al sector de la construcción civil, usualmente se percibe la falta de datos que se ajusten con la realidad de Brasil. Conociendo la existencia de varios materiales cementantes como son morteros, bloques de cierre, bloques estructurales, existe la necesidad de contar con un banco de datos más apropiado con los diseños de mezclas utilizados en el país, que facilite cuantificar sus impactos ambientales. En este contexto la presente investigación evalúa impactos ambientales según el método de CML-IA baseline, de los principales materiales cementantes utilizados en Brasil, entre ellos: morteros simples para resano, morteros mixtos de asentamiento y revestimiento, grout para albañilería estructural y bloques de hormigón. Para este fin fueron utilizadas las normas brasileiras NBR ISO 14040:2009 y 14044:2009 en conjunto con las normas europeas EN 15978:2011 y EN 15804:2012. El inventario fue realizado a partir de datos colectados por el SINAPI y estudios volcados para la realidad brasileira conjuntamente con el banco de datos Ecoinvent 3. Al final se...
Malaquias Zildo Antonio Tsambe, Cássio Florisbal De Almeida, Cássia Maria Lie Ugaya, Luiz Fernando De Abreu Cybis
LALCA - Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, Volume 2, pp 9-33; doi:10.18225/lalca.v2i2.4236

Abstract:Atualmente, o Brasil é considerado o sexto maior consumidor mundial de óleos lubrificantes, por consequência, o sexto maior produtor de Óleo Lubrificante Usado ou Contaminado (OLUC), com uma produção anual de cerca de um bilhão de litros. O OLUC é considerado um resíduo perigoso pela Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), isso coloca vários desafios ao seu sistema de gerenciamento. A ausência de um inventário do ciclo de vida do OLUC, é o principal problema de desenvolvimento de estudos de Avaliação de Ciclo de Vida (ACV) de OLUC no Brasil. Assim, constitui o objetivo principal deste estudo a identificação, qualificação e quantificação dos indicadores ambientais, econômicos e sociais deste ciclo. A metodologia constitui-se basicamente pela análise de laudos laboratorial, para obtenção de dados ambientais, análise de relatórios financeiros, entrevistas e observação das diferentes etapas do ciclo para obtenção de dados econômicos e sociais. Em função dos modelos de gerenciamento do OLUC observados no Brasil, definiram-se dois cenários, o TTR que inclui as etapas de geração, transporte com transbordo e rerrefino e, o TsTR que exclui o transbordo. Os resultados mostraram diferenças para as dimensões ambientais, econômicas e sociais quando os dois cenários são comparados. O estudo possibilitou obter os fluxos de massa e energia, o balanço econômico do processo e as contribuições para o bem-estar social dos trabalhadores neste ciclo de vida. Desta forma o presente trabalho apresenta o inventário ambiental, econômico e social do ciclo de vida do OLUC. Palavras-chave: Inventário de Ciclo de Vida (ICV). Óleo Lubrificante Usado ou Contaminado (OLUC).ResumenBrasil es actualmente considerado el sexto mayor consumidor mundial de aceites lubricantes, por consiguiente, el sexto mayor productor de Aceite Lubricante Usado o Contaminado (OLUC), con una producción anual de cerca de mil millones de litros. El OLUC es considerado un residuo peligroso por la Política Nacional de Residuos Sólidos (PNRS), esto plantea varios desafíos a su sistema de gestión. La ausencia de un inventario del ciclo de vida del OLUC, es el principal problema de desarrollo de estudios de Evaluación de Ciclo de Vida (ACV) de OLUC en Brasil. Así, constituye el objetivo principal de este estudio la identificación, calificación y cuantificación de los indicadores ambientales, económicos y sociales de este ciclo. La metodología se constituye básicamente por el análisis de laudos de laboratorio, para la obtención de datos ambientales, análisis de informes financieros, entrevistas y observación de las diferentes etapas del ciclo para la obtención de datos económicos y sociales. En función de los modelos de gestión del OLUC observados en Brasil, se definieron dos escenarios, el TTR que incluye las etapas de generación, transporte con transbordo y rerrefino y, el TsTR que excluye el transbordo. Los resultados...
Thiago Oliveira Rodrigues
LALCA - Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, Volume 2; doi:10.18225/lalca.v2i1.4703

Adan William Da Silva Trentin, Adilson Moacir Becker Jr, Ênio Leandro Machado, Pâmela Andréa Mantey Dos Santos, Adriane Lawisch Rodríguez, Diosnel Antonio Rodriguez Lopez
LALCA - Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, Volume 2, pp 91-121; doi:10.18225/lalca.v2i1.3788

Abstract:The present study conducted a Life Cycle Assessment evaluation of the Solid Waste Management System in Santa Cruz do Sul – RS, in order to provide background information and therefore support decision-making for future waste management scenarios. The software package named as Integrated Waste Management – 2, Version 2.5., was used to perform the LCA, where all inputs and waste management system outputs were identified and quantified. The conversion of the results from Life Cycle Inventory to Life Cycle Assessment in environmental impacts was carried out based on impact characterization factors from RECIPE 2008 version 1.08. The impact categories studied were: Photochemical Oxidant Formation Potential, Global Warming Potential, Acidification Potential, Eutrophication Potential, Depletion of the Ozone Layer Potential and Particulate Matter Formation Potential in addition to the Use of Energy and Final Solid Waste. The current waste management scenario has been simulated as baseline, considering three additional scenarios, which included raising the number of households served by selective collection, improvement of recycling recovery efficiency in the sorting stage and the introduction of the biological treatment stage into the system by composting the organic matter. The results showed that the current scenario is the most impacting, for global warming, with a total of 12,102,122.85 kg of emissions per year, whereas scenario 04 showed to represent the lowest contribution rates to environmental impacts in carbon footprint perspective (5,946,702.47 kg of emissions per year). The final disposal stage in landfills had also contributed significantly to environmental impact rates, followed by the waste collection scenario. The proposed changes, suggested by alternative scenarios, had demonstrate considerable environmental savings, hereby justifying the importance of implementing these strategies in waste management. Keywords: Life Cycle Assessment. Environmental Impact. IWM-2. Solid Waste. Brazil.ResumoEste trabalho desenvolveu um estudo de Avaliação do Ciclo de Vida de um Sistema de Gerenciamento de Resíduos Sólidos na cidade de Santa Cruz do Sul-RS a fim de dar suporte a tomada de decisões para futuros cenários de gestão de resíduos. Para executar a Análise de Ciclo de Vida, foi utilizado o software Gerenciamento Integrado de Resíduos – 2 (IWM-2), Versão 2.5. Neste programa, as entradas e saídas referentes ao inventário do sistema de gerenciamento foram identificadas e quantificadas. A conversão dos resultados do Inventário de Ciclo de Vida para Análise do Ciclo de Vida em impactos ambientais foi realizada baseada na caracterização dos fatores de RECIPE 2008, versão 1.08. As categorias de impacto estudadas foram: Potencial de Formação de Oxidantes Fotoquímicos, Potencial de Aquecimento Global, Potencial de Acidificação, Potencial de Eutrofização, Potencial de Depleção da Camada de Ozônio e Potencial de...
Pedro Augusto Marques, Jeremiah Kabayo Kabayo, Rita Garcia, Fausto Freire
LALCA - Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, Volume 2, pp 110-127; doi:10.18225/lalca.v2iespec.4467

Abstract:Este artigo apresenta uma avaliação de ciclo de vida (ACV) dos principais sistemas de geração de eletricidade em Portugal, nomeadamente: carvão; gás natural; hídrica de reservatório; hídrica a fio de água; eólica e solar fotovoltaico. Foram desenvolvidos inventários de ciclo de vida para estes sistemas de geração e calculados impactes ambientais para as seguintes categorias do método ReCiPe: depleção de metais (DM), depleção fóssil (DF), aquecimento global (AG), depleção de ozono (DO), acidificação terrestre (AC), eutrofização de água doce (EU); e do método Usetox: ecotoxicidade de água doce (EC) e toxicidade humana cancerígena (TH-c) e não-cancerígena (TH-nc). Adicionalmente, avaliou-se a pegada de água (PA) usando dois métodos alternativos (ReCiPe e AWARE). Em geral, os sistemas fósseis apresentam impactes mais elevados do que os sistemas renováveis em 7 das 11 categorias de impacte (DF, AG, DO, AC, EU, TH-c e TH-nc). Por outro lado, a geração hídrica a fio de água é aquela que apresenta no geral menores impactes ambientais em quase todas as categorias. No entanto, este sistema é marcadamente sazonal e não “despachável”, pelo que deve ser parte de um sistema integrado de base renovável. Foi ainda realizada uma análise aos impactes normalizados, observando-se que as categorias mais relevantes são a EC, a TH-c, a TH-nc- e a EU, embora a incerteza associada às categorias de toxicidade seja muito elevada (fatores de caraterização provisórios do Usetox).
Especial Deste Número
LALCA - Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, Volume 2; doi:10.18225/lalca.v1iespec.4490

Guilherme Zanghelini, Edivan Cherubini, Henrique Rogerio Antunes De Souza Junior, Sebastião Roberto Soares
LALCA - Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, Volume 2, pp 82-96; doi:10.18225/lalca.v2iespec.4465

Abstract:A ponderação é um tópico controverso na comunidade de Avaliação do Ciclo de Vida (ACV) por conta da subjetividade que acompanha todo o processo de atribuição de significância para as categorias de impacto. Por outro lado, simplifica a interpretação e comunicação de resultados, frequentemente multidimensionais e com trade-off entre indicadores. Quando baseada no painel de especialistas, a ponderação é influenciada pelo julgamento de valor de cada indivíduo, de forma que cada grupo de stakeholders pode influenciar nos resultados. Neste contexto, a utilização da Análise de Decisão Multicritério (MCDA) no campo da ACV permite estruturar problemas complexos, incluir de forma ordenada o julgamento dos multistakeholders e preencher a lacuna da ponderação para o contexto brasileiro. O objetivo deste artigo foi quantificar a significância das categorias de impacto ambiental segundo os stakeholders nacionais. A metodologia embasou-se na aplicação de dois painéis de especialistas estruturados no modelo híbrido de MCDA AHP/PROMETHEE II, com valores calculados segundo algoritmo de agregação do PROMETHEE II. O primeiro painel ponderou 8 critérios relacionados às categorias de impacto segundo especialistas da ACV. O segundo painel elicitou os pesos para 8 categorias de impacto em nível midpoint de acordo com os critérios estabelecidos no primeiro painel segundo a Academia, Governo e Indústria. O julgamento médio dos 76 participantes atribuiu maior significância para Mudanças Climáticas (18,5%), seguido pela Depleção da Camada de Ozônio (15,5%) enquanto que outras 6 categorias completam os 100% do conjunto de pesos. Palavras-chave: Avaliação do Ciclo de Vida. Categoria de Impacto. Ponderação. Análise de Decisão Multicritério. Stakeholders.ResumenLa ponderación es un tema controvertido en la comunidad de Análisis del Ciclo de Vida (ACV) por la subjetividad que acompaña todo el proceso de atribución de significancia para las categorías de impacto. Por otro lado, simplifica la interpretación y comunicación de resultados, a menudo multidimensionales y con compensación entre indicadores. Cuando se basa en el panel de expertos, la ponderación es influenciada por el juicio de valor de cada individuo, de forma que cada grupo de stakeholders puede influir en los resultados. En este contexto, la utilización del Análisis de Decisión Multicriterio (MCDA) en el campo de la ACV permite estructurar problemas complejos, incluir de forma ordenada el juicio de los multistakeholders y llenar la brecha de la ponderación para el contexto brasileño. El objetivo de este trabajo fue cuantificar la significancia de las categorías de impacto ambiental según los stakeholders nacionales. La metodología se basó en la aplicación de dos paneles de especialistas estructurados en el modelo híbrido de MCDA AHP/PROMETHEE II, con valores calculados según algoritmo de agregación del PROMETHEE II. El primer panel ponderó 8...