Transinformação

Journal Information
ISSN / EISSN: 01033786 / 23180889
Published by: SciELO
Total articles ≅ 520

Latest articles in this journal

Jimena Felipe Beltrão, Taíse Da Cruz Silva, Narjara Lorena Luna da Silva
Published: 1 January 2022
by SciELO
Transinformação, Volume 34; https://doi.org/10.1590/2318-0889202234e220018

Abstract:
Resumo O plágio é prática inaceitável na ciência, pois desrespeita a propriedade intelectual de terceiros, bem como impede a realização de um conhecimento integro e de credibilidade, em particular em casos em que se materializa em publicações científicas, tendo em vista os inúmeros prejuízos e o potencial de risco que representa para a credibilidade dos resultados divulgados. Nesse sentido, a presente pesquisa analisou as políticas editoriais no que se refere as recomendações de plágio de 14 periódicos indexados na Scientific Electronic Library Online Brasil, voltados para as áreas de Antropologia, Linguística e Arqueologia, bem como a questão do autoplágio abordado pelas revistas. A pesquisa é de caráter quali-quantitativa, e utilizou a entrevista como técnica na coleta de dados. Das 14 revistas analisadas, observou-se que 10 adotam práticas e padrões internacionais, entre elas destacamos aqui o uso do “Guia de boas práticas para o fortalecimento da ética na publicação científica” de 2018, disponibilizado no site da Scientific Electronic Library Online, e as que aderem ao Committee on Publication Ethics, assim como as que seguem as “Recommendations for the conduct, reporting, editing, and publication of scholarly work in medical journals” de 2019. Apenas quatro adotam somente a Licença de Atribuição Creative Commons. As questões de caráter ético são de fundamental importância para a humanidade, e no ambiente científico isso não pode ser diferente. Com experiências que podem, quando se orienta de forma adequada o infrator involuntário, ser de grande valia e aprendizado na formação acadêmica, os padrões e as práticas nacionais e internacionais são imprescindíveis nas condutas editoriais científicas.
Published: 1 January 2022
by SciELO
Transinformação, Volume 34; https://doi.org/10.1590/2318-0889202234e220002

Abstract:
Resumo Esta pesquisa analisa o nível de maturidade em Gestão do Conhecimento de uma empresa de assessoria empresarial e serviços contábeis. Essa avaliação foi feita a partir da aplicação de um instrumento prototípico, que é parte de um modelo - em desenvolvimento - de avaliação de maturação e do potencial para a prática da Gestão do Conhecimento em organizações. Esse modelo estabelece cinco níveis de maturidade em Gestão do Conhecimento, sendo: (1) Incógnito (desconhecido); (2) Manifesto (conhecido); (3) Incipiente (inicial, embrionário); (4) Gerenciando (andamento); e (5) Holístico (totalidade). Para a análise da maturidade em Gestão do Conhecimento, foi aplicado um questionário à população de funcionários da empresa, sendo obtida a amostra de 90,9%. A abordagem quantitativa foi aplicada para análise dos dados. Por resultados, a empresa se enquadra no nível três de cinco de maturidade em Gestão do Conhecimento, sendo esse considerado um estágio incipiente (inicial, embrionário), pois busca gerenciar o conhecimento e suas áreas críticas de sucesso. Conclui-se que o método de maturidade apresentado reflete a realidade da empresa analisada. Espera-se que ele possa contribuir com outras organizações que queiram avaliar seu nível de maturidade em Gestão do Conhecimento.
Rubén Urbizagástegui-Alvarado
Published: 1 January 2022
by SciELO
Transinformação, Volume 34; https://doi.org/10.1590/2318-0889202234e220004

Abstract:
Resumo Analisaram-se 6.180 documentos produzidos e publicados sobre a bibliometria brasileira até dezembro de 2018. Para a coleta dos documentos, fez-se busca nos títulos, palavras-chave e resumos usando diferentes idiomas e combinações booleanas dos documentos indexados em bases de dados bibliográficas. Os documentos coletados usaram 6.307 palavras-chave distintas, sendo que 4.215 delas foram utilizadas uma única vez e uma só palavra (Produção cientifica) 1.054 vezes. A análise das copalavras identificadas nos 6.180 documentos se fez utilizando o pacote MPA (Método das Palavras Associadas) da linguagem R, que, como técnica de análise, permitiu identificar as principais temáticas da bibliometria brasileira. Um campo de estudo em amadurecimento claramente ligado ao campo da Ciência da Informação, que tem seu centro de análise estruturado na indexação e na linguagem documentária. Identificou-se também, o assunto central da pesquisa em administração e contabilidade com fracas ligações com o Marketing e a Ciência & Tecnologia.
Nuri Özgür Doğan, Burak Bora
Published: 1 January 2022
by SciELO
Transinformação, Volume 34; https://doi.org/10.1590/2318-0889202234e220015

Abstract:
Since the beginning of 2020, “Covid-19” has affected the whole world in an unprecedented way in modern times. It is inevitable that this pandemic, which has negatively affected many fields, will also have an impact on academic journals. The aim of this study is to determine the effect of the Covid-19 pandemic on the performance of academic journals. In our study, a “Data Envelopment Analysis” methodology with 3 inputs and 3 outputs was used to determine the relative “performance of the journals”. Within the scope of the study, 109 journals published in “Turkey” and scanned in “Web of Science” indexes were examined. Results show that eleven journals were efficient in 2019, while in 2020 this number decreased to seven. Four fields have been positively affected by the pandemic and journals publishing in these fields have increased their efficiencies. Eighteen fields were adversely affected by the pandemic and the efficiency of journal publishing in these fields decreased. Eleven fields and journals publishing in these fields maintained their efficiency both before and during the pandemic. As the Covid-19 pandemic is not over yet, our data is limited. In the coming years, more detailed and comprehensive studies can be carried out with more extensive data and a further number of journals from different countries.
Adriana Barbosa Santos
Published: 1 January 2022
by SciELO
Transinformação, Volume 34; https://doi.org/10.1590/2318-0889202234e200011

Abstract:
Resumo As novas tecnologias promoveram mudanças importantes nas relações sociais nos últimos anos, as quais estimularam o crescimento da produção de conteúdo científico em formato audiovisual, com destaque para os videoartigos. Assim, este artigo examina a aplicabilidade das novas tendências de publicações audiovisuais como estratégia para impulsionar o consumo de ciência dentro e fora do ecossistema acadêmico. Baseado em um survey exploratório-descritivo realizado com pesquisadores das áreas de Ciências da Saúde e Ciências Humanas, o estudo contribui para mitigar a carência de evidências empíricas, especificamente, sobre quatro pontos: visão de pesquisadores brasileiros acerca do acesso livre e consumo de ciência no Brasil; desconhecimento sobre videoartigo como formato de comunicação científica; grau de interesse em publicações científicas em formato audiovisual; e sentimentos relacionados à visibilidade e ao reconhecimento da ciência no Brasil. Resultados evidenciam o potencial estratégico dos recursos audiovisuais na valorização da comunicação científica, visto que pesquisadores se mostram interessados em publicar videoartigos pelo impacto direto em visibilidade, métricas de desempenho e disseminação da cultura científica com vistas a aumentar o consumo de ciência.
Bárbara Neves Alencar,
Published: 1 January 2022
by SciELO
Transinformação, Volume 34; https://doi.org/10.1590/2318-0889202234e220020

Abstract:
Resumo A democratização no acesso à ciência almejada com o Acesso Aberto vem acompanhada do pagamento de Article Processing Charges. Em um contexto de escassez de recursos financeiros, “pagar para publicar” se torna um desafio para países em desenvolvimento como o Brasil. Dada a inexistência de uma política sobre financiamento dessa despesa para as agências de fomento brasileiras e a proliferação de acordos transformativos ao redor do mundo, este artigo apresenta diretrizes para implantar acordos Read and Publish na Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, a partir da análise dos acordos firmados na Alemanha e Colômbia. Entre as diretrizes propostas, sugere-se que os acordos alcancem periódicos de Acesso Aberto e híbridos, considerem o histórico de publicações dos programas de pós-graduação para distribuição de recursos com vistas a financiar Article Processing Charges e funcionem como uma política de qualificação que auxilie os pesquisadores brasileiros a publicar em revistas de alto impacto.
, Márcio Souza Martins
Published: 1 January 2022
by SciELO
Transinformação, Volume 34; https://doi.org/10.1590/2318-0889202234e220016

Abstract:
Resumo O acesso aberto é um mecanismo de comunicação científica que visa democratizar o acesso a resultados de pesquisas científicas, removendo barreiras de acesso e permissão aos conteúdos publicados, barreiras essas que, em muitos casos, marginalizam autores, instituições ou países com menor capacidade de investimento financeiro. Tendo isso em vista, o objetivo deste trabalho é compreender o cenário mundial da pesquisa sobre acesso aberto, na área da Ciência da Informação, nos últimos seis anos (2015 a 2020), e identificar possíveis sugestões que possam melhorar o futuro da pesquisa nessa temática. A metodologia utilizada para alcançar o objetivo foi a análise bibliométrica, tomando como fonte de informação a base de dados Scopus, e com auxílio da ferramenta SciVal. Ao todo, foram recuperados 1.139 documentos sobre a temática de acesso aberto no período mencionado anteriormente. Das análises, foi possível caracterizar a amostra, identificar os principais colaboradores e verificar a qualidade da pesquisa sobre o tema acesso aberto. A partir dos resultados, foi possível identificar os principais atores no âmbito internacional, as áreas de pesquisa mais engajadas com o tema e propor, a partir da literatura complementar, uma proposta de impulsionamento da pesquisa em acesso aberto por meio de colaborações internacionais e nacionais entre autores.
Published: 1 January 2022
by SciELO
Transinformação, Volume 34; https://doi.org/10.1590/2318-0889202234e220003

Abstract:
Resumen En los últimos años, está siendo consensuada cada vez más la importancia en lo que respecta a la Responsabilidad Social Corporativa para las organizaciones con el objetivo de alcanzar un desarrollo sostenible. El presente estudio tiene como objetivo analizar la divulgación de información sobre Responsabilidad Social Corporativa a través de las páginas web de los clubes portugueses de la Liga NOS en la temporada deportiva 2017/2018. El estudio es de carácter descriptivo y se basa en una metodología de tipo cualitativo utilizando la técnica de análisis de contenido. Los resultados muestran que el grado de información divulgado es bajo, como lo revela el índice de divulgación total (26,63%), y que la información más divulgada es la social, seguida de la información económica. Sin embargo, la información propagada sobre la contratación de los colaboradores y la medioambiental es muy escasa.
Maria Renata Furtado de Sousa, Maria Inês Rodrigues Machado, João Hermínio da Silva
Published: 1 January 2022
by SciELO
Transinformação, Volume 34; https://doi.org/10.1590/2318-0889202234e220005

Abstract:
Resumo Muito se tem falado sobre a importância dos indicadores científicos no processo de crescimento e desenvolvimento dos países. Nesse cenário, o presente trabalho buscou analisar o empenho dos bolsistas de pós-doutorado júnior em algumas áreas de Ciências Biológicas (botânica, bioquímica, farmacologia e ecologia) no Brasil. Esta pesquisa classificou-se como descritiva quanto ao seu objetivo e fez uso da bibliometria para analisar os dados encontrados. O desempenho de 97 bolsistas de pós-doutorado júnior com bolsa vigente no site do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, foi analisado através do banco de dados Scopus. Os resultados obtidos demonstram que São Paulo é o estado brasileiro que apresenta o maior número de bolsistas (cerca de 20,62%), sendo a Universidade de São Paulo a instituição com a maior predominância de pós-doutorandos (12,37%). A botânica apresenta papel de destaque como área de atuação no campo das Ciências Biológicas, com o maior número de artigos indexados na base Scopus, apresentando uma média de 10,63 artigos por pesquisador. A área de Ecologia apresenta a maior média anual de publicações, com uma média de 1,56 publicações por ano. Observa-se que o pós-doutorado júnior é uma experiência que pode proporcionar avanço do conhecimento e capacitação científica e tecnológica visando à aplicação dos resultados em diversos setores sociais.
Published: 1 January 2022
by SciELO
Transinformação, Volume 34; https://doi.org/10.1590/2318-0889202234e210080

Abstract:
Resumen La relevancia del periodismo de investigación ha aumentado recientemente. Este artículo analiza la producción científica sobre esta rama de la actividad periodística a través de los artículos (N=331) publicados entre 2000 y 2020 en revistas indexadas en Scopus. Se aplica para ello un análisis bibliométrico de productividad y rendimiento en el campo, así como un análisis sociométrico de su estructura conceptual (red de co-palabras) e intelectual (red de co-citación). Los resultados apuntan a una producción científica creciente al respecto pero que muestra rasgos de inmadurez, especialmente una dispersión en la autoría que indica que el periodismo de investigación no constituye aún una línea preferente en la disciplina. Además, la producción científica sobre el tema se concentra en revistas del área de Periodismo y no ha conseguido atraer aún la atención de otras disciplinas. Los principales temas identificados son el papel de las redes sociales como fuente y el impacto del periodismo de investigación en la vida democrática. Intelectualmente, la producción científica se apoya en estudios sobre la financiación del periodismo, los valores informativos tras la producción de noticias y el estudio de actores y estructuras históricas que influyen en su actividad.
Back to Top Top