Revista Científica ANAP Brasil

Journal Information
EISSN : 1984-3240
Total articles ≅ 268
Filter:

Latest articles in this journal

Leandro Félix de Castro, João Cândido André Da Silva Neto, Bruno Sarkis Vidal
Revista Científica ANAP Brasil, Volume 14; https://doi.org/10.17271/19843240143420212912

Abstract:
Em busca de um desenvolvimento sustentável as bacias hidrográficas tornaram-se uma importante unidade de estudo do uso, ocupação e conservação de seus recursos naturais, por haver relações sociais e ecológicas com este ambiente. Neste sentido, a presente pesquisa teve por objetivo analisar a partir de uma perspectiva temporal, as principais mudanças no uso e cobertura da terra que ocorreram entre os anos de 1985 e 2019 na bacia hidrográfica do rio Sanabani, localizado no município de Silves-AM. A análise temporo-espacial do uso da terra e cobertura vegetal da bacia hidrográfica do rio Sanabani, possibilitou a identificação da redução de vegetação primária que em 1985 era de 92%, para atuais 87% em 2019. Os tipos de uso na bacia são representados principalmente por atividades econômicas do setor primário, onde se destacam a agricultura com o cultivo da mandioca e a pecuária com a criação do gado, onde o município de Silves se destaca com a 26ª colocação em Bovinos do Amazonas por Efetivo do rebanho em cabeças.
Aldino Miguel Francisco, Albertina Alice Longã Matias
Revista Científica ANAP Brasil, Volume 14; https://doi.org/10.17271/19843240143420212906

Abstract:
A Educação Ambiental é importante por ser um instrumento de gestão ambiental fundamental para a proteção e conservação da natureza. Ela é necessária no ambiente escolar, pois ajuda o aluno a ter a noção de proteção do meio ambiente e melhora o seu bom rendimento estudantil. O objetivo foi de propor ações que permitem o desenvolvimento da Educação Ambiental aos alunos da 8ª e 9ª classes do Complexo Escolar John Wesley – Metodista. Metodologicamente, baseou-se numa abordagem qualitativa com destaque à revisão bibliográfica, análise documental, levantamento fotográfico, entrevistas e questionários - os questionários fechados foram aplicados a 100 alunos. Os resultados demonstraram que: a referida escola não possui um programa específico de Educação Ambiental; a maioria dos alunos não tem conhecimento do termo Educação Ambiental, mas foram corretos na definição Educação Ambiental. Sobre os temas estudados, o que recordam são: preservação e recuperação do meio ambiente; lixo e higiene pessoal; conservação da natureza e dos seus recursos e proteção dos grandes ecossistemas. Sobre a importância dos jardins e árvores, os alunos consideram que servem para embelezar a escola e contribuem para o bem-estar dos alunos. Quanto aos cuidados a ter com o lixo na escola, manifestaram ser para evitar doenças. Verificou-se a insuficiência nos cuidados com os meios escolar visto que os alunos pisam nas carteiras, fazem mau uso das casas de banho e pincham nas paredes.
Heloisa Amazonas, Ana Paula Branco Do Nascimento
Revista Científica ANAP Brasil, Volume 14; https://doi.org/10.17271/19843240143320212893

Abstract:
O propósito deste artigo foi analisar a situação dos catadores e catadoras de materiais recicláveis na cidade de São Paulo na pandemia da COVID-19. Para isso, foi realizada uma pesquisa bibliográfica, juntamente com a análise de notícias/matérias, dados oficiais e decretos/leis, além de uma entrevista com um catador, que possibilitaram a construção do panorama da situação citada- que era concomitante à elaboração do artigo aqui apresentado. Apesar dos avanços legais obtidos nas últimas décadas, percebeu-se mais explicitamente, através dos problemas enfrentados por esses trabalhadores na crise instaurada pela pandemia, o quanto a categoria ainda se vê invisibilizada e seu trabalho todavia desvalorizado. Contudo, a mobilização desta categoria de trabalhadores e trabalhadoras se torna mais eficaz com sua crescente organização. Mesmo sendo o cerne de todo o processo de reciclagem no Brasil, a inclusão dos catadores e catadoras na gestão de resíduos sólidos está aquém do minimamente ideal.
Aldino Miguel Francisco, Geremias Bernabé Faustino João, Jandira Kuti de Oliveira Domingos
Revista Científica ANAP Brasil, Volume 14; https://doi.org/10.17271/19843240143420212909

Abstract:
O trabalho teve como objetivo diagnosticar o sistema de gestão de resíduos sólidos e seus efeitos sobre a saúde da população no bairro 5 de abril. A pesquisa foi do tipo exploratório e descritiva que se situa dentro do tipo não experimental. O método de análise quantitativo e qualitativo. Durante a pesquisa fez-se a observação das condições existentes de gestão dos resíduos, entrevistas aos responsáveis do setor da saúde, da gestão dos resíduos do município e aplicação de um inquérito numa amostra não probabilística de 50 indivíduos numa das áreas consideradas críticas do bairro. A administração municipal é a responsável pela gestão dos resíduos, a maior parte do bairro, não se beneficia dos serviços de recolha de resíduos através da insuficiência de meios, máquinas e funcionários, os moradores acondicionam o lixo em baldes e sacos plásticos e depositam nas lixeiras por faltas de contentores, provocando grandes amontoados de lixo no interior do bairro, os resíduos são recolhidos uma vez por semana, quando não há recolha são queimados ao ar livre com efeitos negativos sobre a saúde da população. Urge a necessidade de se dotar o sistema de gestão de resíduos do bairro com a aposta e meios e máquinas e na formação ambiental.
Luiza Pinatti Astolphi, Juliana Da Silva Oliveira, Cali Laguna Achon
Revista Científica ANAP Brasil, Volume 14; https://doi.org/10.17271/19843240143420212913

Abstract:
As estações de tratamento de esgoto têm grande impacto na saúde pública, pois tratam o esgoto doméstico com o objetivo de devolvê-lo aos corpos d'água como efluente líquido limpo ou para reaproveitamento. Esse tipo de processo produz uma grande quantidade de lodo, que é classificado como resíduo sólido e, portanto, deve ser recuperado, reaproveitado ou reciclado, sendo o aterro o último recurso. O tratamento do lodo é dividido em cinco etapas, sendo estas: adensamento, digestão, desaguamento, secagem e aproveitamento (ou destinação final), de forma a obter uma massa com volume reduzido devido à retirada de água. Uma das opções de processo de secagem é a biossecagem ou biodrying, a qual, utiliza o calor gerado pela fermentação aeróbia de microrganismos para remover a água combinada com o lodo. A vantagem desse procedimento é que ele retém o poder calorífico da massa final, permitindo sua queima e aproveitamento energético. Algumas condições afetarão o processo de biossecagem, entre as quais podemos citar: o teor de umidade inicial, a taxa de aeração, a proporção de mistura dos materiais estruturantes, o revolvimento da massa e a adição de componentes biológicos auxiliares (bulking agents). Este artigo tem como objetivo avaliar, a partir da literatura, a importância e o impacto da alteração do teor de umidade inicial do lodo no processo de biossecagem.
Bianca Rodrigues Vieira, Leandro Lopes dos Santos, Sandra Medina Benini
Revista Científica ANAP Brasil, Volume 14; https://doi.org/10.17271/19843240143420212907

Abstract:
As diferentes técnicas vinculadas às geotecnologias são de suma importância para identificação e monitoramento de diferentes fenômenos, sendo eles de natureza antrópica ou não. Neste contexto, este artigo teve como objetivo analisar os impactos ambientais da instalação da Usina Hidrelétrica das Três Gargantas - Yiling, Hubei, China, considerando a alteração da paisagem decorrentes do processo de inundação na área de implantação do reservatório, por meio da aplicação do Índice da Diferença Normalizada da Água (NDWI) em uma série temporal do Landsat-5, considerando os anos de 1993 e 2005. Por intermédio dessa ferramenta, constatou-se que houve uma considerável alteração na paisagem, sendo elas: o cursor original do canal sofreu fortes modificações, bem como em função do barramento das águas, a composição florística local sofreu uma considerável perda. Por meio deste estudo, verificou-se que a área alagada estimada é de 16.608 km².
Leonardo Andrade de Lima, Karina Martins
Revista Científica ANAP Brasil, Volume 14; https://doi.org/10.17271/19843240143420212910

Abstract:
Surge a partir dos anos 2000 iniciativas a fim de buscar o ideal sustentável, em especial práticas sustentáveis na produção da soja, visto sua predominância na agricultura pátria. Dentre as iniciativas analisar-se-á a RTRS, a Moratória da Soja e a Soja Plus. Essas iniciativas surgem após forte pressão da sociedade civil organizada e do mercado para buscar práticas sustentáveis de produção. Objetiva-se com a pesquisa identificar os fenômenos determinantes dessas iniciativas, bem como caracterizar as diferenças e semelhanças quanto às suas finalidades específicas. Para alcançar o objetivo desta pesquisa utilizar-se-á uma abordagem qualitativa, de cunho exploratório, com procedimento bibliográfico e documental e método hipotético-dedutivo. Concluiu-se que a principal semelhança das iniciativas está no fato de que nasceram de forte pressão da sociedade civil organizada aos compradores da soja brasileira, o que fez o mercado pressionar os produtores, devido à exposição da ligação entre as fazendas de soja e a perda de floresta no recorte de tempo do início dos anos 2000.
Fernanda Roberta Anklam, Rodrigo Camilo, André Aguiar Battistelli
Revista Científica ANAP Brasil, Volume 14; https://doi.org/10.17271/19843240143320212896

Abstract:
O saneamento básico contempla os serviços relacionados à quatro pilares: distribuição de água, coleta e tratamento de esgotos, drenagem urbana e gerenciamento de resíduos sólidos. Tais serviços devem ser disponibilizados à população para a garantia de uma adequada qualidade de vida, sobretudo no que tange à saúde pública, em especial no cenário de pandemia. Tal condição evidencia a importância de se acompanhar a evolução da oferta destes serviços à população, auxiliando na definição de ações e tomada de decisões. Nesse contexto, este estudo teve como objetivo analisar os indicadores da prestação de serviços de saneamento e seus reflexos na saúde da população do município de Arapongas-PR, com foco no abastecimento de água e esgotamento sanitário. Aplicou-se uma metodologia de pesquisa descritiva com abordagem quali-quantitativa, com a compilação de dados secundários no período referente a 2010 e 2018, disponíveis em plataformas e documentos de livre acesso. Constatou-se que o crescimento urbano foi acompanhado por uma evolução na oferta de serviços de saneamento, permanecendo constante a marca de 100% de atendimento à população com abastecimento de água, e aumentando de forma progressiva no atendimento relacionado a coleta e tratamento de esgoto sanitário. Verificou-se, ainda, que os índices de saúde evoluíram no mesmo período, reduzindo despesas e taxas de internações com doenças relacionadas a falta de saneamento. Concluiu-se que os investimentos realizados em saneamento, refletiram diretamente na qualidade de vida da população do município de Arapongas - PR.
Aldino Miguel Francisco, Evelina Imaculada Zambi, Celestina Vandaco Jorge Abílio
Revista Científica ANAP Brasil, Volume 14; https://doi.org/10.17271/19843240143420212908

Abstract:
A pesquisa aborda as condições de sanidade do meio ambiente e seus efeitos à saúde pública da população do Bairro dos Eucaliptos em Moçâmedes, Namibe (Angola). O problema foi estudado em função da constatação das péssimas condições de salubridade ambiental do bairro, e como objetivo apresentar as causas que ocasionaram a deficiente condições de saneamento básico do bairro dos Eucaliptos. A amostra constitui-se por elementos do centro de saúde dos Eucaliptos, escola Rui Duarte e população do bairro, que totalizaram 62 elementos. Aplicou-se inquéritos, pesquisa bibliográfica, registro fotográfico e observação cientifica, fez-se a sistematização e análise dos resultados do material qualitativo dos inquéritos com auxílio a estatística descritiva e porcentual. No que toca as deficiências de higiene e saneamento básico, os resultados apontaram na pouca cobertura da rede pública de água, o fornecimento não se faz em quantidade adequada, não atende a demanda, um número elevado de moradores faz o uso da água de cacimbas, irregular serviços de recolha de resíduos, formação de lixões, inexistência de esgoto sanitário, os moradores optam por fossas sépticas e defecção ao ar livre. As doenças causadas pela deficiência das condições de sanidade do meio registradas no Centro de Saúde Eucaliptos foram: a malária, febre tifoide, doenças diarreicas agudas, amebíase e infecções na pele. A malária registrou maior número de casos no período de 2012 à 2015. Com vista a melhorar a saúde pública do bairro, torna-se necessária a implementação do sistema de saneamento básico, programa de educação sanitária comunitária.
Back to Top Top