Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza

Journal Information
EISSN : 2526-8236
Total articles ≅ 92
Filter:

Latest articles in this journal

Klenicy Kazumy De Lima Yamaguchi, Valdir Da Costa Mendes
Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza, Volume 4, pp 01-07; doi:10.29215/pecen.v4i0.1517

Abstract:
Bellucia dichotoma Cogn., conhecida como Goiaba-de-anta, é largamente utilizada na medicina popular como antiofídica. O objetivo deste trabalho foi realizar a caracterização química e avaliar a capacidade antioxidante de extratos do fruto dessa espécie. A metodologia consistiu no preparo dos extratos dos frutos em hexano e metanol por meio de técnicas de maceração. Foi realizado a prospecção fitoquímica qualitativa, caracterização Cromatográfica em Camada Delgada (CCD) e avaliação da atividade antioxidante qualitativa. A CCD utilizando como eluente, hexano e acetato de etila (7:3) para substâncias apolares, e clorofórmio e metanol (9:1) para polares, possibilitou a separação de substâncias reveladas com luz UV 254nm e 366nm e por vanilina sulfúrica, além de obter os valores dos Fatores de Retenção (RFs). Na análise da atividade antioxidante frente ao radical livre DPPH, observou-se resultado positivo para o extrato em metanol. Por meio da prospecção fitoquímica no extrato polar, foram detectados metabólicos secundários como antocianidinas, chalconas, leucoantocianidinas e catequinas. Os resultados obtidos demonstram que o fruto apresenta potencial terapêutico e antioxidante estimulando pesquisas futuras para a quantificação dos constituintes químicos e do aprofundamento das análises biológicas.Palavras chave: Goiaba-de-anta, frutos amazônicos, CCD
Marcela Cristine De Alencar Lira, Laédna Souto Neiva
Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza, Volume 4, pp 01-10; doi:10.29215/pecen.v4i0.1516

Abstract:
O sulfato de cálcio hemiidratado (comercialmente conhecido como gesso) é obtido através da desidratação parcial do minério gipsita. A depender das condições termodinâmicas de calcinação do minério podem ser obtidas diferentes variações do hemihidrato. O objetivo deste trabalho é realizar um estudo investigativo acerca das possibilidades de aplicações nobres para o hemihidrato tipo α. Para isto, foi analisada uma amostra do gesso α proveniente do estado de Pernambuco, Brasil, por meio de técnicas de caracterizações estruturais e químicas. De acordo com os resultados, a amostra apresentou composição majoritariamente a base de sulfato de cálcio associado à água, com teor de pureza superior a 98,70%. As partículas apresentaram tamanho médio, aproximadamente uniforme, em torno de 60µm. A concentração insignificante de contaminantes detectados na amostra torna o hemihidrato α adequado para aplicações nobres como, por exemplo, na área da saúde dentre outras aplicações que impliquem em contato literal com o corpo humano.Palavras chave: α-Hemihidrato de sulfato de cálcio, gesso alfa, investigação de potencialidades, caracterizações estruturais.
Niviane Ferreira Lafite, Cleber Ibraim Salimon
Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza, Volume 4, pp 01-09; doi:10.29215/pecen.v4i0.1515

Abstract:
Também conhecido como cacto botão, o Melocactus violaceus é uma espécie endêmica do Brasil, que ocorre do Rio Grande do Norte ao Rio de Janeiro. Habita florestas úmidas (Mata Atlântica/restinga), campo rupestre ao Norte (cerrado) crescendo diretamente na areia em meio a arbustos na restinga, dunas ribeirinhas e tabuleiros da Mata Atlântica. Apesar de ter ampla distribuição e ocorrer em áreas protegidas, esta espécie é considerada pela International Union for Conservation of Nature (IUCN) como vulnerável. O objetivo do presente trabalho é estudar a abundância, distribuição de tamanho, e taxa de crescimento em uma população de Melocactus violaceus, que ocorre em tabuleiro numa área de Floresta Estacional Semidecidual, na Reserva Biológica (REBIO) Guaribas, Paraíba. Foram amostradas três fitofisionomias diferentes do tabuleiro, onde uma área é predominantemente fechada, a segunda é aberta, na sua grande parte, e por último em uma área onde predomina Lagenocarpus spp., conhecido popularmente como capim azul. Em cada fisionomia marcou-se 10 parcelas de 12.6 m2, com 20 m de distância entre cada uma, onde indivíduos foram marcados e mensurados. A espécie foi encontrada somente na área aberta, com densidade média de 1.46 ind.m-1 com média de crescimento (em diâmetro) anual dos indivíduos que sobreviveram ao longo de todo estudo foi de 1.76 ± 1.12 cm ao ano, com crescimento mínimo de 0.04 cm e crescimento máximo de 4.7 cm.Palavras chave: Cacto botão, estrutura populacional, taxa de crescimento de cactus.
Elio Carlos Ricardo
Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza, Volume 4, pp 01-09; doi:10.29215/pecen.v4i0.1506

Abstract:
Há várias maneiras de considerar a relação entre a história da ciência e a didática da ciência. Além disso, a teoria da Transposição Didática proposta por Yves Chevallard mostrou as transformações que o conhecimento científico sofre para se tornar um saber ensinado na sala de aula. Porém, ambos ainda são difíceis de serem aplicados pelo professor. Este artigo sugere a vigilância epistemológica como uma ferramenta didática para produzir conteúdos mais significativos no contexto escolar. Nesse caso, a história da ciência é uma importante referência. Para ilustrar esses argumentos, é apresentado um exemplo da mecânica. Palavras chave: História da ciência, ensino de Física, transposição didática, vigilância epistemológica.
Gilson De Souza Ferreira Neto, Adamo Cardoso Barros, Tainara Venturini Sobroza, Pedro Ubatan Camargo Neves, Matthew J. Phillips, Elizabeth Ferreira Guimarães
Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza, Volume 4, pp 01-15; doi:10.29215/pecen.v4i0.1498

Abstract:
Animais resgatados passam um período em cativeiro antes de serem devolvidos a natureza. Durante esse período em cativeiro é fundamental que os animais apresentem os comportamentos mais próximos dos apresentados na natureza, e enriquecimento ambiental é uma forma de assegurar o bem estar animal em cativeiro. O objetivo deste estudo foi i) descrever o repertório comportamental de indivíduos do tamanduá-mirim (Tamandua tetradactyla) (Ordem Pilosa), e determinar qual comportamento foi mais frequente; ii) avaliar o efeito do período diurno (06:00–18:00) e noturno (18:00–05:59) na frequência dos comportamentos, e iii) comparar a porcentagem de comportamentos com e sem enriquecimento ambiental. Observações foram feitas utilizando o método de animal focal. Cinco machos e uma fêmea foram observados em pares para se observar as interações entre os indivíduos. Foram registrados 30 atos comportamentais distribuídos em seis categorias: locomoção, forrageio, alimentação, inatividade, limpeza corporal e interação. Geralmente, os comportamentos mais frequentemente observados foram locomoção e alimentação, geralmente durante o dia, exceto inatividade, que foi mais comum durante a noite. Esse resultado pode ser atribuído a maior atividade diurna do macho, enquanto as fêmeas são mais noturnas em cativeiro. Nossos resultados sugerem que o enriquecimento ambiental favorece maior bem-estar para os indivíduos em cativeiro através do aumento de comportamentos ativos como alimentação, interação e forrageio. Esse estudo provê uma lista de comportamentos que podem ser úteis em entender a etologia e aspectos relacionados à conservação, especialmente em cativeiro de T. tetradactyla.Palavras chave: Enriquecimento ambiental, tamanduá-mirim, repertório comportamental, animal focal.
José Sérgio De Sousa, Erivane Oliveira Da Silva, Pedro Thiago Barbosa De Oliveira, Diego Isaias Dias Marques, Max Rocha Quirino, Guilherme Leocárdio Lucena
Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza, Volume 4, pp 01-10; doi:10.29215/pecen.v4i0.1487

Abstract:
O crescente consumo de água potável tem resultado em uma grande quantidade de efluentes gerados e lançados de forma inadequada ao meio ambiente. Diante disto, este trabalho teve como objetivo investigar a eficiência do coagulante natural Moringa no tratamento de coagulação, floculação e sedimentação do efluente líquido proveniente do abate de rã-touro. Avaliou-se a potencialidade do coagulante (na forma mássica e como extrato) por meio de testes de jarros variando a concentração do coagulante. Foram avaliados os parâmetros: cor aparente, turbidez, pH, condutividade elétrica, sólidos totais dissolvidos, oxigênio consumido e avaliação microbiológica. Os resultados dos ensaios mostraram que a utilização do extrato de moringa na concentração de 0.125 g L-1 foi favorável no tratamento da água residuária proveniente do abate de rãs, proporcionando uma remoção de 96% da cor aparente e 91% da turbidez. Verificou-se que o extrato de Moringa reduziu em 47.5% o teor de oxigênio consumido e em 89% os coliformes termotolerantes (Escherichia coli). Estes resultados apontam que a utilização das sementes de Moringa possui elevado potencial como coagulante no tratamento de águas residuárias, podendo servir como um substituinte de coagulantes químicos sintéticos.Palavras chave: Efluente, extrato, coliformes.
Vinicius Queiroz
Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza, Volume 4, pp 01-09; doi:10.29215/pecen.v4i0.1482

Abstract:
Paracentrotus gaimardi é um ouriço-do-mar conhecido por sua diversidade de cores, no entanto estudos abordando outros aspectos que não sua coloração ou reprodução são escassos. Assim, este estudo visa contribuir para uma melhor compreensão da biologia de P. gaimardi, fornecendo informações relevantes sobre seus hábitos comportamentais e alimentares. Seis indivíduos de duas colorações distintas foram coletados em São Paulo, sudeste do Brasil. Após sete dias de aclimatação, foram observados alguns aspectos comportamentais, bem como a preferência alimentar. Um notável comportamento de cobertura e uma aparente fototaxia negativa foi observado em todos os indivíduos estudados. Eles se alimentaram das algas Galaxaura sp., Padina sp. e Ulva lactuta, mas também foram observados predando a esponja Hymeniacidon heliophila e um espécime morto de Echinometra lucunter. Paracentrotus gaimardi é um herbívoro típico, alimentando-se principalmente de algas, semelhantemente ao já descrito para o seu congênere mediterrâneo P. lividus. Porém, P. gaimardi também foi observado alimentando-se diretamente de animais vivos e mortos, o que pode ser entendido como uma estratégia para obter nutrientes menos disponíveis no tecido de algas. As informações fornecidas neste estudo indicam que, de forma geral, a biologia de P. gaimardi é muito similar à de P. lividus, tornando pertinente comparações entre elas.Palavras chave: Algas, comportamento de cobertura, esponja, predação.
Marcos De Vasconcellos Gernet, Carlos Eduardo Belz, Fabiano Pinheiro, Carlos João Birckolz
Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza, Volume 4, pp 01-04; doi:10.29215/pecen.v4i0.1480

Abstract:
Macrodontes paulistus Pilsbry & Ihering, 1898 é um odontostomídeo com concha fusiforme alongada, carinada e voltas pouco convexas, protoconcha acuminada, sutura profunda e levemente inclinada. Esta espécie foi encontrada em camadas internas de um sambaqui localizado na Ilha do Teixeira, baía de Paranaguá, sul do Brasil. Os exemplares foram coletados manualmente, através de prospecção visual. Três exemplares adultos de M. paulistus foram encontrados, todos apresentando conchas com desgastes característicos de material encontrado em sambaquis. Este é o primeiro registro da espécie em sambaquis.Palavras chave: Litoral do Paraná, molusco, Odontostomidae, sítio arqueológico.
Angel Ramon Sanchez Delgado, Sergio Drumond Ventura, Pedro Marcio Ferreira
Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza, Volume 4, pp 01-10; doi:10.29215/pecen.v4i0.1477

Abstract:
Água e nitrogênio são insumos fundamentais para o desenvolvimento de qualquer cultura agrícola, e quando estão correlacionados com a produção obtida, há uma função analítica que representa aproximadamente a produção em relação à água e ao nitrogênio. Considerando que no ambiente do agronegócio e de tomada de decisão, é importante conhecer quantitativamente a produção máxima e a receita líquida máxima que uma determinada safra gera no caso em que esses insumos são limitados, neste trabalho, apresentamos um procedimento computacional usando a teoria da dualidade e o método da barreira logarítmica para resolver ambos os problemas. Para avaliar a metodologia apresentada, realizamos alguns testes numéricos com base em dados conhecidos para as culturas do melão, da alface americana, pêra laranja e aveia. Com base nos resultados obtidos, podemos concluir que a metodologia apresentada constitui uma alternativa confiável, considerando os resultados conhecidos na literatura para tais culturas.Palavras chave: Água, nitrogênio, dualidade, barreira logarítmica, programação quadrática.
Danilo Barbosa De Arruda, Belinda Pereira Da Cunha, Geraldo Milioli
Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza, Volume 4, pp 01-18; doi:10.29215/pecen.v4i0.1461

Abstract:
A urgência da crise ambiental e suas implicações ensejam a humanidade a repensar a sociedade de risco. Os objetivos deste manuscrito visam compreender e questionar o paradigma das alterações climáticas no semiárido nordestino. A metodologia utilizada é a bibliográfica e dedutiva, pois faz uma incursão teórica em autores internacionais e nacionais que corroboram com a análise conceitual do artigo. As conquistas sociais e os direitos já garantidos estão em constante ameaça com a transformação rápida advinda das extenuantes e inesperadas mudanças socioclimáticas. Os principais resultados encontrados foram a constatação do prejuízo socioambiental e os impactos das alterações climáticas resultantes das atividades humanas, assim como a insustentabilidade do uso intensivo dos recursos naturais da Caatinga. Palavras chave: Mudanças climáticas, crise civilizatória, insustentabilidade, racionalidade ambiental, reflexão ambiental.
Back to Top Top