Práxis Educacional

Journal Information
ISSN / EISSN : 1809-0249 / 2178-2679
Total articles ≅ 511
Current Coverage
ESCI
DOAJ
Filter:

Latest articles in this journal

Liliane Silva, Amanda Oliveira Rabelo
Práxis Educacional, Volume 16, pp 639-655; doi:10.22481/rpe.v16i43.7200

Abstract:
Este trabalho busca apresentar, através de relatos de experiências de coordenadoras pedagógicas, a compreensão destes sobre a importância do coordenador na escola. Tomamos como metodologia a abordagem qualitativa, que aconteceu a partir de grupos focais no intuito de obter profundidade nas questões trabalhadas, onde seis coordenadores pedagógicos da Rede Municipal de Ensino de Itaperuna/RJ participaram de três momentos em grupo, baseados em rodas de conversas direcionadas, objetivando colher dados focados a partir da discussão de tópicos específicos. Através dos relatos das coordenadoras pudemos comprovar que elas possuem uma boa percepção do seu trabalho, expressando através das suas falas o quanto consideram o seu trabalho essencial nas escolas, entretanto pudemos perceber sentimentos de angústia, imediatismo e incompetência por não dar conta de todas as demandas escolares.
Adriana Cavalcanti Dos Santos , Nádson Araújo Dos Santos , Viviane Caline de Souza Pinheiro
Práxis Educacional, Volume 16, pp 430-451; doi:10.22481/rpe.v16i43.6871

Abstract:
O artigo define por objetivo fomentar a discussão sobre as Tecnologias Digitais no processo de aquisição da língua escrita na escola. Apoiou-se nos pressupostos teóricos e epistemológicos de uma investigação qualitativa. Como suporte teórico dialogou com Bakhtin (2003); Pinto (2008); Soares (2003, 2016); Rojo (2013), entre outros. O texto focou na análise de um questionário elaborado e aplicado por meio da ferramenta Google Forms. Participaram da investigação voluntariamente 66 (sessenta e seis) professores alfabetizadores do ensino fundamental I. Os resultados obtidos apontaram que os professores apresentam dificuldades em conceituar o termo tecnologia digital e tendiam a considerá-lo como metodologia ou suporte tecnológico; as formações continuadas não atendem a todos os participantes; os professores externaram tentativas de inserirem as TD em seus planejamentos; e uma grande maioria, reconheceu que as TD contribuem significativamente para o processo de alfabetização.
Vilmar José Borges, Lucas De Souza Leite, Marcone Henrique De Freitas
Práxis Educacional, Volume 16, pp 618-638; doi:10.22481/rpe.v16i43.6990

Abstract:
O presente estudo se propôs a desenvolver e socializar reflexões acerca das potencialidades do Programa Residência Pedagógica (PRP) para a formação docente, tomando como base a experiência do subprojeto de Geografia da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Para tanto, utilizou-se como caminho teórico-metodológico os aportes da história oral (BOM MEIHY, 1996), realizando entrevistas com residentes pedagógicos e professores/as preceptores/as, com foco em suas percepções, seus saberes e seus fazeres acerca da contribuição do Programa para a formação de professores/as de Geografia. Como resultado, observou-se que o PRP configura-se como uma oportunidade de complementar a experiência dos Estágios Obrigatórios, possibilitando uma série de vivências que provavelmente os/as licenciando/as só teriam exercendo a docência, além de contribuir com a formação continuada dos/as professores/as preceptores/as.
Fábia Maria Boreli Poleto, Matheus Lima Frossard, Wagner Dos Santos
Práxis Educacional, Volume 16, pp 542-568; doi:10.22481/rpe.v16i43.7057

Abstract:
Este artigo busca compreender como são prescritas as práticas avaliativas em todas as disciplinas que compõem a matriz curricular de três cursos de formação de professores em Educação Física das instituições privadas do Estado do Espírito Santo e suas implicações para a constituição dos saberes docentes. Caracteriza-se como uma pesquisa qualitativa do tipo crítico-documental (BLOCH, 2001) e utiliza os planos de disciplinas como fonte. O software Iramuteq auxiliou na produção dos gráficos e na análise fatorial de correspondência. Os resultados evidenciam que os principais critérios avaliativos prescritos nos planos de disciplina estão relacionados com os aspectos: técnicos e estruturais dos trabalhos (45%); comportamentais (40%); do ensino ou da aprendizagem (15%). As disciplinas de formação ampliada têm priorizado o uso de instrumentos avaliativos individuais com ênfase na escrita e na prova, enquanto as disciplinas de formação específica dão destaque à avaliação coletiva com maior diversidade de instrumentos. O estudo aponta para a necessidade de a formação de professores assumir práticas avaliativas que auxiliem a aprendizagem; busquem compreender os sentidos atribuídos pelos alunos às suas práticas; considerem a especificidade da disciplina; sirvam de exemplo aos alunos para futura reprodução no ambiente escolar; possibilitem a participação ativa dos discentes na escolha dos instrumentos, dos critérios e no processo de julgamento de valor e tomada de decisão.
Andrey Ivanovich Shutenko, Anastasia Koreneva, Inna Ryzhkova , Larisa Morina, Alexander Apykhtin, Galina Romanova
Práxis Educacional, Volume 16, pp 681-699; doi:10.22481/rpe.v16i43.6841

Abstract:
The purpose of this article is to present the characteristics, content and logic of the development of an innovative managerial style among the directors of educational lyceums in modern Russia. The study reveals the specific features of this management style, which in general boils down to manager’s ability to promote the educational space of the Lyceum to the state of a dynamically developing system that responding to modern requirements for training specialists of innovative economies. As a key criterion for the development of an innovative managerial style, the authors considered the ability of a manager to make a personal contribution to instilling innovation. This criterion made it possible to identify the growth levels of the innovative style of managing the lyceum (reproductive, adaptive, locally-modeling, system-modeling, innovative-creative). The study developed a model for providing innovative managerial activities of the lyceum’s director, which is aimed at the formation of constructive leadership potential and a dynamic "Self-concept" of management. The logic of an innovative managerial style formation is revealed, which consists of three stages: the reflective stage, the identification stage, the stage of professional self-actualization. As a result of applying this logic in the research work, the managers of the experimental group developed better tolerance and flexibility of their position, increased creativity, the ability to withstand prolonged psycho-emotional stress, they better control themselves, the situation and communication, faster made the necessary decisions, showed self-confidence and ability exert managerial and pedagogical influence, ability to manage the social situation, bear responsibility.
Danilo Bandeira Dos Santos Cruz, Luciana Pedrosa Marcassa
Práxis Educacional, Volume 16, pp 596-617; doi:10.22481/rpe.v16i43.6760

Abstract:
Este artigo é o resultado de uma pesquisa em andamento, cujo objetivo é o de analisar o (s) papel (is) da UNDIME no processo de definição e implementação de políticas educacionais no Brasil, no contexto de crise do capital e do consequente movimento de refuncionalização do Estado, no período de 1980 a 2020, com destaque à política curricular, expressa pela BNCC. De modo específico, coube a este texto, discutir o processo de instauração da governança no campo educacional brasileiro, diante do avanço do neoliberalismo nas últimas décadas do século XX. Nessa perspectiva, destacou-se o papel da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação – UNDIME, na fundamental dinâmica de produção de consensos, junto aos sistemas e redes de ensino do país, com vistas à adesão destes, aos novos arranjos institucionais promovidos pelo paradigma da governança. Para tanto, a reflexão foi conduzida com base na concepção sobre Estado integral de Antonio Gramsci, além das considerações engelmarxianas, acerca do metabolismo capitalista. Ademais, o percurso reflexivo teve como estratégia metodológica, a análise qualitativa de documentos, com destaque ao estudo específico sobre o Caderno de Orientações ao Dirigente Municipal de Educação, elaborado em 2008 pela instituição investigada. Destarte, demonstrou-se a importante atuação da UNDIME no avanço de princípios e concepções empresariais na educação institucionalizada do país.
Geralda Maria De Bem , Cícero Nilton Moreira Da Silva
Práxis Educacional, Volume 16, pp 254-276; doi:10.22481/rpe.v16i43.6316

Abstract:
Este texto se organiza a partir de um recorte da dissertação de mestrado intitulada: “A prática docente na Educação do Campo: um estudo em classes multianos de Pau dos Ferros – RN”, e tem o objetivo de refletirmos sobre a prática pedagógica das professoras das classes multianos de Pau dos Ferros/RN. A investigação partiu da seguinte questão de estudo: de que modo os professores desenvolvem suas práticas pedagógicas, considerando as especificidades das classes multianos? Assim, adotamos como abordagem metodológica a concepção da pesquisa qualitativa – as discussões e os encaminhamentos tiveram sua ancoragem teórica nas pesquisas de Rocha (2013), Crepaldi (2006), Caldart (2004, 2011), Tardif (2002), entre outros teóricos que discutem a temática em estudo. Em síntese, através das observações da prática docente, como também dos relatos das educadoras acerca do ensino nas classes multianos, pudemos perceber um bom relacionamento entre professor e aluno, bem como aluno-aluno; demostrando, assim, formas significativas de aprendizagem a partir da interação nos trabalhos em grupos, como também no momento do intervalo e nas brincadeiras livres, no contexto escolar.
Sérgio Teixeira Da Silva, Alexandre Gomes Soares
Práxis Educacional, Volume 16, pp 494-514; doi:10.22481/rpe.v16i43.6999

Abstract:
O presente texto é um recorte ampliado de uma dissertação de mestrado profissional em educação que analisou os sentidos subjetivos que educandos da Educação de Jovens e Adultos, pertencentes às religiões de matrizes africanas, possuem sobre a escola. O objetivo deste artigo é refletir sobre a produção de um material didático denominado Mala Temática Mojubá como requisito básico na formação strictu-sensu. Tal proposta caminha na direção de identificação e na possibilidade de apropriação deste artefato cultural a ser utilizado para valorização das culturas africanas e afro- brasileiras. A proposta metodológica utilizada para a confecção do produto educacional foi a pesquisa- ação pedagógica apresentada por Franco (2016) para reconfigurar ações pedagógicas coletivas e colaborativas que envolvem a produção de conhecimento no e com os educadores e não apenas para eles, inclusive com o intuito de alcançar uma formação humanística na perspectiva freireana. A elaboração de um artefato cultural como recurso pedagógico que possa contribuir com a implementação da lei 10.639/03 em escolas brasileiras indica uma ação complexa e desafiadora. Um dos desafios consiste em despertar nos educadores a possibilidade de criação, apropriação pedagógica e o uso da Mala Temática Mojubá. Os resultados obtidos demonstraram que o produto confeccionado contribui para a descolonização religiosa nas escolas em que foi destinado. O artefato cultural elaborado é resultado de ações inovadoras no campo educacional, bem como amplia o contexto de atuação pedagógica da docência na educação básica e propicia o reconhecimento da diversidade de sujeitos e saberes no escola.
Liliana Soares Ferreira, Luiza Da Silva Braido, Mariglei Severo Maraschin , Dulcineia Libraga Papalia De Toni
Práxis Educacional, Volume 16, pp 117-133; doi:10.22481/rpe.v16i43.6774

Abstract:
Apresenta-se análise dos Projetos Pedagógicos (PP) dos cursos de Pedagogia das cinco Universidades Federais do Rio Grande do Sul, objetivando evidenciar os sentidos em encaminhamentos em relação aos Estágios Supervisionados. Partiu-se do suposto que o estágio supervisionado seria o tempo e o espaço privilegiados para o contato, o trabalho e a inserção no campo profissional, mediante projeto e orientação por parte dos professores do Curso. Quanto aos aspectos teóricos e metodológicos, foram realizadas duas etapas. Na primeira, aconteceu análise documental dos Projetos Pedagógicos dos cinco cursos de Pedagogia. Na segunda etapa foi enviado um questionário para um grupo de egressos do curso de Pedagogia de uma das cinco universidades, composto por questões objetivando contemplar e relacionar à análise realizada nos PPs. As questões versavam sobre a concepção, vivência/experiência e a avaliação do Estágio Supervisionado no Curso de Pedagogia naquela universidade. Onze interlocutores, dez mulheres e um homem, egressos do Curso entre 2013 e 2020, participaram das entrevistas. Os dados foram analisados pela Análise de Movimentos de Sentidos, técnica elaborada pelo grupo de pesquisa no qual se trabalha. Uma das percepções, após o estudo, é haver estágio supervisionado previsto nos projetos pedagógicos. Entretanto, não foram encontrados expressos sentidos e concepções de estágio supervisionado. Do mesmo modo, os discursos dos egressos descrevem como prática, não raramente, dissociando-a da teoria e considerando-a prioridade não vislumbrada no Curso.
Práxis Educacional, Volume 16, pp 29-50; doi:10.22481/rpe.v16i43.6777

Abstract:
Esta pesquisa, a partir de um levantamento documental, analisou teses disponibilizadas no Catálogo de Teses e Dissertações da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, a CAPES, com foco nos professores orientadores de estágios supervisionados das licenciaturas. A questão norteadora deste estudo é: o que apontam as teses no tocante aos professores orientadores dos estágios supervisionados, seu papel formador no contexto dos estágios nas licenciaturas? Em termos metodológicos, analisamos o conjunto de seis produções doutorais por meio da abordagem qualitativa de pesquisa e da análise documental como técnica de coleta de dados. Como consideração principal, a partir do que apontam as teses, enfatizamos que a orientação nos estágios supervisionados nos cursos de licenciatura do Brasil deve ser concebida como orientação formativa, isto é, como práxis educativa. Compreendemos que esse entendimento ajuda a pensarmos os processos organicamente articulados de formação inicial docente, sem o dualismo que separa a teoria da prática.
Back to Top Top