REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática

Journal Information
EISSN : 2318-6674
Current Publisher: Revista REAMEC (10.26571)
Total articles ≅ 268
Current Coverage
DOAJ
Archived in
SHERPA/ROMEO
Filter:

Latest articles in this journal

Kayla Rocha Braga, José Messildo Viana Nunes
REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Volume 9; doi:10.26571/reamec.v9i1.11273

Abstract:
Apresenta-se, nesse artigo, uma proposta de uso da tecnologia Realidade Aumentada tomando como referência o ensino de medida de área. A intervenção foi efetivada numa turma de graduação do curso de Engenharia Elétrica da Universidade Federal do Maranhão. A fundamentação teórica se ampara na Abordagem Instrumental, que permitiu analisar o uso da tecnologia Realidade Aumentada como ferramenta de ensino no nível superior. A pesquisa está estruturada em duas etapas: a instrumentalização, que se deu em dois momentos, sendo o primeiro de formação quanto ao uso da Realidade Aumentada, e o segundo, de instalação de um software de desenvolvimento da Realidade Aumentada; e a segunda, de instrumentação, com a resolução das tarefas, sem e com o uso da Realidade Aumentada, seguida de entrevista com os participantes. Os dados obtidos na pesquisa nos possibilitaram identificar a transição de artefato a instrumento com o uso da tecnologia da Realidade Aumentada, bem como constatar que a planta baixa ao ser projetada em 3D fez com que os alunos mudassem de ideia sobre a necessidade de considerar a espessura nos cálculos realizados, passando a estabelecer uma melhor relação com a noção de área e medida de área.
Melina Nymann dos Santos, Andriele dos Santos, Catia Balbinot,
REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Volume 9; doi:10.26571/reamec.v9i1.11845

Abstract:
A pesquisa foi realizada a partir do desenvolvimento de aulas remotas considerando o contexto da pandemia vivenciado no ano de 2020 e que limitou muitas das ações realizadas pelos professores da educação básica. O foco do estudo esteve na discussão sobre a possibilidade de promover a Alfabetização Científica (AC) durante as aulas, tendo como tema gerador o uso de agrotóxicos. De forma mais específica, o estudo avaliou as contribuições das ações didáticas desenvolvidas para contemplar os indicadores de alfabetização científica propostos por Sasseron (2008) e quais os mais favorecidos nas atividades realizadas. No texto são descritas as sete atividades desenvolvidas durante os encontros e que foram encaminhadas via WhatsApp. O estudo foi desenvolvido com alunos do sétimo ano do Ensino Fundamental de duas escolas da rede pública do Rio Grande do Sul. A pesquisa participante de cunho qualitativo teve o objetivo de identificar a presença dos Indicadores de AC na perspectiva de Sasseron (2008) nas atividades desenvolvidas. Sendo que a análise das atividades indicou a presença dos indicadores de AC apontando que promover situações de aprendizagem voltadas à reflexão, ao pensamento crítico, à leitura e à pesquisa pode contribuir para a formação da cidadania mesmo em um contexto de ensino remoto.
Vanessa Da Luz Vieira, Milton Rosa
REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Volume 9; doi:10.26571/reamec.v9i1.11406

Abstract:
Este artigo é um recorte de uma pesquisa qualitativa conduzida em uma Escola Família Agrícola, localizada na Zona da Mata, Minas Gerais. O seu principal objetivo foi compreender como 24 alunos dessa escola lidam com os conceitos geométricos quando estão em ambientes distintos: escola/família/comunidade. Essa pesquisa foi conduzida de acordo com as perspectivas da Pedagogia da Alternância e da Etnomatemática, visando responder a questão de investigação: Quais são as contribuições que a etnomatemática pode trazer para a construção do conhecimento geométrico de alunos do primeiro ano do ensino médio em uma escola família agrícola na perspectiva da pedagogia da alternância? Essa pesquisa fundamenta-se nas bases teóricas da Pedagogia da Alternância, da Educação do Campo, dos Fundos de Conhecimento e da Etnomatemática. Os dados foram coletados por meio de dois questionários: um inicial e um final; anotações no diário de campo, três blocos de atividades, um grupo focal e, também, pela utilização de três instrumentos da alternância: o Plano de Estudo, o Caderno da Realidade e a Colocação em Comum. Os dados coletados foram analisados conforme os pressupostos adaptados da Teoria Fundamentada nos Dados. Os resultados dessa pesquisa mostram que uma contribuição importante da Etnomatemática para o desenvolvimento de conteúdos geométricos nessa escola, na perspectiva da Pedagogia da Alternância, foi a valorização sociocultural da produção de conhecimentos geométricos desenvolvidos por esses participantes, que compartilharam as práticas locais em sala de aula conectando-as aos conteúdos geométricos escolares.
Graziele Borges De Oliveira Pena, Nyuara Araújo Da Silva Mesquita
REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Volume 9; doi:10.26571/reamec.v9i1.11294

Abstract:
Este trabalho é fruto de uma análise crítica realizada por meio de revisão bibliográfica, dividida em duas dimensões, no plano sócio-histórico, sendo elas: o processo de profissionalização da carreira docente, com foco especial em Química, e a natureza do conhecimento profissional docente. Este artigo tem como objetivo compreender como ocorreu a profissionalização da carreira docente em Química e qual a natureza do conhecimento profissional docente. A legitimação da profissão docente está intimamente ligada ao reconhecimento de um corpo de conhecimentos profissionais específicos. Entretanto, a falta de entendimento sobre a natureza e concepção do conhecimento profissional docente dificulta o reconhecimento social da docência e, também, do processo de profissionalização da carreira docente, especialmente, pelo modo como algumas políticas públicas para a formação docente são implantadas.
Person Gouveia dos Santos Moreira,
REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Volume 9; doi:10.26571/reamec.v9i1.11143

Abstract:
Este trabalho reporta uma investigação, a partir da dúvida de a geometria euclidiana plana ser abordada de modo diferente em livros distintos, utilizados na formação de professores de matemática na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul – UFMS. Assim, com base no levantamento de ementas e bibliografias de disciplinas de geometria nos cursos de Licenciatura em Matemática da UFMS, foram analisados os livros Geometria Euclidiana Plana, de João Lucas Barbosa (2006), que vinha sendo utilizado por muitos anos em praticamente em todos os cursos de Licenciatura em Matemática, da referida Universidade e, por questões logísticas, foi substituído por Geometria Euclidiana Plana e Construções Geométricas, de Eliane Quelho Frota Rezende e Maria Lúcia Bontorim de Queiroz (2000), em busca de semelhanças e diferenças entre ambos. Ancorada na perspectiva dos jogos de linguagem de Ludwig Wittgenstein, a referida análise desses dois manuais pautou-se na averiguação de como se constituíam os jogos de linguagem nestes manuais. Para tanto, foi praticada uma Terapia Bibliográfica com a Geometria Euclidiana Plana, seus axiomas, postulados e teoremas, tendo em conta que jogos de linguagem estão sempre assentados em formas de vida. Assim a leitura se inspirou em possíveis usos destes manuais didáticos em salas de aula de formação de professores de Matemática. Foram constatadas várias dessemelhanças, tais como diferentes palavras usadas em um mesmo sentido, usos de uma mesma palavra de formas próprias e encadeamentos lógicos singulares, caracterizando, assim, diferentes jogos de linguagem, diferentes Geometrias Euclidianas Planas.
Verônica Maria Lavor Silva de Melo, , Antonio Marcos Da Costa Silvano
REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Volume 9; doi:10.26571/reamec.v9i1.11585

Abstract:
O presente trabalho foi concebido a partir dos estudos e pesquisas suscitadas na disciplina intitulada Objetos de Aprendizagem aplicados ao Ensino de Ciências Exatas e Naturais do programa de Pós-Graduação Stricto Sensu, de uma Instituição de Ensino Superior (IES) do interior do Rio Grande do Norte. A pesquisa teve como objetivo avaliar as potencialidades pedagógicas e cognitivas dos objetos de aprendizagem (OA) para o ensino de ciências exatas e naturais na Educação Básica e foi pautada metodologicamente nos pressupostos da abordagem de pesquisa qualitativa do tipo exploratória, desenvolvida a partir da avaliação das potencialidades pedagógicas e cognitivas dos OA com a participação de um grupo composto por de (quinze) professores alunos da disciplina, a análise dos resultados foi realizada a partir de um questionário. Ressalta-se que o trabalho foi fundamentado nos pressupostos teóricos da aprendizagem significativa ausubeliana e aportes teóricos que fundamentam o uso dos OA digitais e das Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC). Por meio deste estudo, foi possível perceber indícios relativo aos aspectos teóricos, metodológicos e práticos da avaliação das ferramentas digitais que possibilita o auxílio aos professores e aos alunos no processo de ensino e aprendizagem de forma reflexiva, assim como, verificar como ocorrem as implicações do seu uso no âmbito do ensino das Ciências Exatas e Naturais.
REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Volume 9; doi:10.26571/reamec.v9i1.11384

Abstract:
O objetivo da pesquisa foi investigar as possíveis implicações teóricas da Etnomodelagem em uma construção de proposta de ensino elaborada por professores de matemática que dão aulas no Ensino Fundamental (EF). Como fundamentação teórica, utilizou-se as abordagens da Modelagem Matemática (MM), Etnomatemática e Etnomodelagem, para elaboração do processo formativo, pautada no conceito de desenvolvimento profissional. Optou-se pelo método qualitativo e o estudo de caso, como tipo de pesquisa. Participaram do estudo 11 professores dos anos finais do EF do Sistema de Ensino do município de Taperoá-BA. A formação foi realizada em seis momentos/turnos de 4 horas cada, totalizando 24 horas. Como instrumentos de produção de dados, foram utilizados o diário de campo, a gravação em áudio, a observação e uma proposta de ensino. Para a análise da produção de dados, foram selecionadas duas das quatro propostas elaboradas. Emergiram da análise aspectos que vão ao encontro da Abordagem Dialógica, importante conceito da Etnomodelagem. Os resultados apontaram para contribuições significativas da formação, posto que se promoveu um ambiente propício para a aprendizagem e o desenvolvimento profissional dos professores em serviço, que lidam com estudantes oriundos da zona rural e vivenciam situações que podem ser exploradas na sala de aula, a fim de reconhecer, preservar, legitimar e valorizar os saberes não contemplados pelos currículos escolares.
, Luz Roxana de Léon-Lomelí, , Cynthia Zamora-Pedraza
REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Volume 9; doi:10.26571/reamec.v9i1.11192

Abstract:
La enseñanza del pensamiento lógico como actividad orientada a la educación científica, contribuye a la formación de ciudadanos críticos, tanto en escenarios formales como no formales. Dentro de los clubes de ciencia se guía a los niños a un proceso formal de investigación, que incluye la exposición y divulgación de resultados. El presente documento describe la metodología de trabajo implementada con niños de 4 hasta 12 años de edad, los actores, sus roles y los productos generados a lo largo de cinco años de su puesta en marcha en comunidades urbanas y rurales de México. Se integran las experiencias generadas en dos clubes de ciencias. Con este respaldo se elaboró una guía de trabajo sistematizada para una mejora de la práctica. Como parte de la evaluación, se han realizado entrevistas a los niños participantes, que han permitido conocer sus percepciones hacia el trabajo que realizan dentro de los mismos, con lo cual se realizó un análisis descriptivo de las experiencias. En el ciclo de trabajo reportado, se ha logrado formar a más de 50 niños, quienes han tenido un desempeño sobresaliente en concursos de ciencia a nivel nacional e internacional, que les ha permitido mejorar sus habilidades investigativas, de argumentación y de solución de problemas. El trabajo realizado ha permitido contribuir positivamente en la formación de los niños, así como la forma en la que realizan propuestas de solución a problemas, evalúan la calidad de las fuentes y realizan las argumentaciones durante el desarrollo y presentación de los trabajos.
REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Volume 9; doi:10.26571/reamec.v9i1.11419

Abstract:
O presente estudo trabalha a Educação Ambiental, tencionando contribuir para a formação de professores e uma ampla compreensão das diversas dimensões que abrangem esta temática. Neste sentido, este artigo discute como desenvolver a Educação Ambiental fora do ambiente da sala de aula, utilizando espaços não-formais para possibilitar uma aprendizagem significativa, explorando os recursos e elementos naturais disponíveis para o ensino. O estudo tem como objetivo compreender como se dá a difusão da Educação Ambiental nos espaços educacionais por meio da aplicação de uma atividade prática de campo denominada “Caixa da Natureza”. No que se refere aos aspectos metodológicos, a pesquisa apresenta uma abordagem qualitativa descritiva, tendo sua fundamentação filosófica norteada pelas premissas de Merleau-Ponty. O local utilizado foi o Bosque da Ciência, do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA). Os sujeitos participantes foram 58 universitários, da disciplina de Educação Ambiental, do curso de Licenciatura em Pedagogia, de uma instituição pública de Ensino Superior de Manaus, Amazonas. Uma caixa de papelão foi confeccionada e posicionada em lugar estratégico, para que, ao fim da atividade prática, os participantes pudessem deixar suas respostas sobre uma questão formulada. Para analisar os dados tomamos como base a Análise de Conteúdo de Bardin. Os resultados obtidos com a realização da pesquisa apontam que a “Caixa da Natureza” despertou nos estudantes sentimentos e atitudes em relação ao meio ambiente, possibilitando uma reflexão sobre suas futuras práticas para trabalhar a Educação Ambiental em espaços não-formais de aprendizagem.
REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Volume 9; doi:10.26571/reamec.v9i1.11201

Abstract:
Este estudo objetivou compreender as representações de formigas em animações infantis. Para isso, assistiu-se a cada animação mais de uma vez para perceber como as formigas foram significadas nos desenhos animados. Daí, foram registrados dados recorrentes e singulares na representação das formigas nos desenhos. Para a análise do objeto de pesquisa, a estrutura narrativa da animação e a estrutura conceitual da gramática visual inspiraram a construção de categorias. Os resultados indicaram que os desenhos animados analisados exploraram as características e os comportamentos humanos como base para a construção de personagens e narrativas. Observou-se que as animações abordam aspectos morfológicos das formigas, mas o comportamento delas ainda é pouco explorado e evidenciado. As concepções culturais
Back to Top Top