New Search

Export article
Open Access

Poesia, mito e natureza em Cantares amazônicos, de Paes Loureiro

Enivalda Nunes Freitas Souza, Maria Goretti Ribeiro
O Eixo e a Roda: Revista de Literatura Brasileira , Volume 26, pp 365-386; doi:10.17851/2358-9787.26.2.365-386

Abstract: Cantares amazônicos, coletânea de três livros de poemas escritos pelo poeta paraense contemporâneo João de Jesus Paes Loureiro, versa sobre a natureza amazônica original invadida, degradada e dessacralizada pelo homem capitalista. A coletânea expressa o nativismo do autor, seu estro poético ao cantar a beleza viva, o éthos, os mistérios e os encantos palustres dessa terra de promessas. O autor revela certa tendência à remitologização e à transculturação, fenômenos que tiveram significativa expressão nas obras regionalistas que vieram a lume a partir do segundo quartel do século XX e que vêm marcando a produção literária até hoje. Este trabalho se debruça sobre Cantares amazônicos com a intenção de evidenciar o fundamento mítico dessa poesia representado nas metáforas e imagens arquetípicas das águas e da Floresta. Seguindo o périplo imaginário do sujeito poético, intenta-se registrar seu compromisso estético com a linguagem, sua fidelidade ao imaginário coletivo e sua temática regionalista. Ao final, conclui-se que o lirismo fluvial de Paes Loureiro tem como finalidade o eterno retorno para reconstruir, ainda que por via do mito, o Paraíso quase perdido que se chama Amazônia.
Keywords: Mito / poesia / seu / Sobre / Regionalistas / Dessa / Paes Loureiro / poético

Scifeed alert for new publications

Never miss any articles matching your research from any publisher
  • Get alerts for new papers matching your research
  • Find out the new papers from selected authors
  • Updated daily for 49'000+ journals and 6000+ publishers
  • Define your Scifeed now

Share this article

Click here to see the statistics on "O Eixo e a Roda: Revista de Literatura Brasileira" .
Back to Top Top